Picolinato de Cromo: Vantagens para emagrecer e como Age

emagrecer

A coisa mais difícil é queimar gordura abdominal enquanto constrói massa muscular. O picolinato de cromo é um suplemento usado para queimar gordura e ganhar massa muscular em academias. Mas será que realmente funciona?

Recentemente, estudos mostraram que o picolinato de cromo é um potencial inibidor de apetite para doces, por isso pode contribuir para a perda de peso. Por outro lado, nutricionistas afirmam que a principal função que o cromo desempenha no corpo é aumentar os efeitos da insulina. Que provoca a redução dos níveis de gordura no organismo, traz a sensação de saciedade e diminui consideravelmente o apetite do apetite nós temos para os doces.

O que é?

O cromo é um metal muito necessário para muitos processos metabólicos do corpo, incluindo a estimulação da ação da insulina no organismo. A insulina é o hormônio responsável pela formação e perda de gordura, e o metabolismo da glicose, qualquer elemento que melhore a função da insulina, deve ajudar a perder peso.

Como Age

O picolinato de cromo é a forma do mineral cromo mais bem absorvido pelo organismo. Atua sobre as enzimas que estão relacionadas ao metabolismo energético. Atuando no controle direto dos níveis de glicose no sangue ajuda a melhorar a circulação.

Assim, estabiliza os referidos níveis e, como conseqüência, atenua a fome e a necessidade de consumir na sua composição alimentos ricos em carboidratos, como pão, macarrão, arroz e biscoitos.

Seu consumo também ajuda na construção do músculo, por isso é indicado para quem pratica a musculação.

Benefícios

Os benefícios atribuídos ao picolinato de cromo são:

  • Reduza os níveis de gordura e triglicerídeos;
  • Melhora o desempenho atlético dos atletas;
  • Aumenta a força e velocidade;
  • Ajuda na perda de peso em pacientes obesos. Usar esse complemento ajuda essa perda a ser muito mais rápida e intensa;
  • Um antidepressivo eficaz;
  • Pode ajudar a prevenir ataques cardíacos;
  • Pode ajudar no tratamento de ovários policísticos.

Fontes naturais

Na natureza, o cromo pode ser encontrado em vegetais, frutas e outros alimentos como: ameixa, brócolis, cereais integrais, cogumelos, fígado, espinafre, maçãs com casca, nozes, queijos.

Dose recomendada

Estudos ainda são controversos, no entanto, nutricionistas alertam que você não deve consumir mais de 200mcg da substância por dia. A deficiência dessa substância pelo organismo é rara, devido à baixa necessidade de grandes doses diárias, por isso a sugestão é para que não haja consumo excessivo. Pois o excesso desse mineral no organismo pode ser prejudicial à saúde.Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais podem ser insônia, dor de cabeça, diarréia, entre outros, e em casos mais graves, podem causar problemas hepáticos, anemia profunda e inadequação do organismo.